Pular para o conteúdo principal

COMPARTILHAR SORRISOS É FUNDAMENTAL PARA ESTIMULAR A FELICIDADE INFANTIL.

Educar com e pelo diálogo, e ainda com uma equilibrada dose de bom humor, além de fortalecer os laços afetivos entre crianças e adultos, contribui para que as crianças possam interagir com outras crianças com mais qualidade.


Quem não gosta de receber um sorriso?
Eu adoro! E as crianças também...

É muito importante sorrir para as crianças desde seus primeiros dias de nascimento, nos momentos das trocas de fralda, na hora do banho, bem como na hora da amamentação.

Nesses momentos as crianças, ainda bebês, olham em nossos olhos... Daí a importância de elas vivenciarem experiências com alguém que aproveita cada instante com um olhar sereno e um sorriso acolhedor!

Isso significa que precisamos ter cuidados com atitudes emburradas e mal-humoradas quando estamos na função de educar as crianças. Não emburrar com coisas que a criança faz ou fala, tem implicações importantes em seu processo de aprendizagem desenvolvimento.

Lembre-se que mais vale um bom exemplo do que mil palavras, tendo em vista que a criança tem como parâmetro a atitude de quem a educa.

Isso não significa que devemos chamar a atenção das crianças sorrindo ou dando gargalhadas sobre coisas muito sérias. Mas pressupõe alguns cuidados no tom de voz e nos gestos a serem vivenciados no ato da orientação (conversa séria), evitando resquícios de mau humor, tirania ou ressentimentos.

Pessoas que procuram cultivar o bom humor procuram explicitar de forma clara os momentos de alegria e de tristeza, quando estão educando as crianças.

O equilíbrio entre um sorriso acolhedor e as orientações sérias ajuda na formação de sujeitos bem humorados e consequentemente mais saudáveis em suas vivencias emocionais e sociais.

Por isso, precisamos exercitar a atitude de compartilhar sorrisos com as crianças.  Esse modo de educar resulta numa equilibrada conexão entre adultos e crianças, bem como, entre crianças e crianças.

Compartilhar sorrisos com as crianças estimula a sua interação social, pois elas aprendem a compartilhar sorrisos com outras crianças.

Além da qualidade das interações sociais, o sorriso também provoca mudanças físicas saudáveis.  Fortalece o sistema imunológico, aumenta a energia, e ainda, protege contra os efeitos nocivos do estresse.

Sorria Sempre... Estimule a Felicidade Infantil!
_____________
Ana Maria Louzada é Orientadora Educacional, Mestre em Educação com Especialização em Educação Infantil.
______________
Referência

COLEÇÃO: Cultivando o Bom Humor Infantil





 

Orientação para pais, mães e famílias que almejam melhorar a interação com seus filhos


Conheça o nosso trabalho
Clicando Aqui

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

BOAS GARGALHADAS AJUDAM NA FORMAÇÃO DE CRIANÇAS BEM-HUMORADAS

Dar boas gargalhadas sobre diferentes situações engraçadas e desafiadoras pode ajudar as crianças no exercício do bom humor.


Desde pequeninas, as crianças nos surpreendem com intensas risadas, que geralmente nos contagiam.
Isso mesmo, a gargalhada contagia, alegra e atrai as pessoas com as quais estamos nos relacionando.
É com base nessas premissas, que hoje destaco a importância da gargalhada na formação de crianças bem-humoradas.
Você já percebeu, que ao nos envolvermos com as crianças, quando participamos das suas brincadeiras e dialogamos com as suas ideias nos surpreendemos com boas gargalhadas?
Saiba que esses momentos são importantíssimos para a sua formação, pois quando elas se percebem correspondidas, numa relação de alegria, se desenvolvem emocionalmente e socialmente com mais qualidade.
Daí a importância de educá-las com bom humor. E a gargalhada é uma indicação prazerosa, para as crianças e para quem as educa.
Isso porque, a gargalhada desencadeia uma série de reações fisiológica…

VOCÊ SABE O QUE É PRECISO PARA EDUCAR AS CRIANÇAS?

INTERAÇÃO ADULTO E CRIANÇA: Por uma educação mediadora